UTILIZANDO A PRESSÃO HIDRÁULICA DE FLUIDO PARA GERAR UMA FORÇA

Energia Hidráulica

A energia hidráulica oferece uma das formas mais simples e poderosas de produzir quantidades consideráveis ​​de força em um espaço confinado, usando a pressão do fluido hidráulico para gerar força. Desde as primeiras invenções de macacos hidráulicos de baixa pressão e pesados ​​até os mais modernos sistemas hidráulicos de alta pressão de hoje, a energia hidráulica continua sendo um assistente utilizado e amplamente respeitado no mundo com interesse em mais poder e conhecimento dessa fonte de energia.

 

Lei de Pascal

A lei de Pascal afirma que a pressão aplicada em qualquer ponto em um fluido é transmitida sem redução em todas as direções dentro do fluido. Isso significa que, ao usar a pressão hidráulica como meio, uma pequena força pode ser convertida em um múltiplo apreciável de si mesma.

A pressão real do fluido envolvida desempenha um papel muito importante nessa “Multiplicação de Força” e, neste contexto, existem dois recursos da pressão hidráulica que são essenciais para lembrar:

  1. A pressão hidráulica é medida como uma força por unidade de área, suas unidades geralmente são em: Bar (kg / cm2) ou PSI (libras por polegada quadrada).
  2. A pressão hidráulica em qualquer ponto do fluido é a mesma em todas as direções, desde que o fluido seja estático.

 

Padrão Internacional

O padrão internacional aceito para pressão máxima de trabalho na indústria de ferramentas hidráulicas de alta pressão é de 700 Bar (10.000 PSI) e a maioria dos produtos oferecidos pela Hi-Force está em conformidade com esse padrão. Por exemplo, o cilindro HLS101 da Hi-Force de simples ação, tem uma capacidade de 10 toneladas à pressão máxima de trabalho de 700 Bar (10.000) PSI.

O critério para estabelecer a força de saída máxima de um cilindro hidráulico a pressão de 700 Bar é o tamanho da área efetiva do orifício do cilindro, isto é, a área na qual o fluido hidráulico a uma pressão de 700 Bar está sendo aplicado. Devido a esses critérios simples, é possível fabricar os cilindros na faixa de 4,5 toneladas até com de capacidade acima de 1000 toneladas.

A pressão hidráulica é fornecida por uma bomba hidráulica que bombeia o fluido hidráulico para dentro do orifício do cilindro através de mangueiras hidráulicas flexíveis conectadas ao acoplamento de entrada de conexão rápida do cilindro.

Bombas Hidráulicas

As bombas manuais são a forma mais simples de bomba e consistem em um pistão de bombeamento, válvula de liberação e válvulas de retenção de sucção e entrega. A bomba é operada fechando a válvula e, em seguida, levantando e abaixando a alça para bombear o fluido do reservatório para a conexão de saída da bomba. Essa ação produz uma pressão de fluido cada vez maior gerada pela alavanca da bomba em conjunto com a abertura e o fechamento das válvulas de sucção e entrega. As bombas de força substituem a alavanca manual por uma força de rotação acionada por motor elétrico, pneumático ou a gasolina.

À medida em que o fluido hidráulico entra no orifício do cilindro, ele força o pistão do cilindro a se mover para cima. Qualquer resistência ao movimento ascendente do pistão, por uma carga, resultará no aumento da pressão do fluido à medida que o operador continua a acionar a alavanca da bomba para cima e para baixo. A pressão do fluido continuará aumentando até que o pistão supere a resistência (carga) ou se mova para cima até atingir o final do seu comprimento de curso projetado ou a pressão do fluido atinja o máximo permitido de 700 Bar e a válvula de alívio de pressão de segurança da bomba é ativada, evitando pressurização acima de 700 Bar.

 

 

Para conhecer toda linha de componentes hidráulicos que a Hi-Force produz entre em contato com a Polar Componentes Brasil.

Para adquirir sua ferramenta, solicite cotação através do e-mail: vendas@polarb2b.com.

Qualquer dúvida entre em contato conosco.

Traduzido por William Caetano

Fonte: Hi-Force

×

Atendimento

× Precisa de ajuda?